8 Passos a seguir depois de mudar de casa

8 passos depois de mudar de casa

Devido à experiência acumulada neste tipo de processos ao longo de todos estes anos, o Grupo Move sabe que o processo de mudança de casa não fica concluído com a realização da escritura, ou com a efetiva mudança para a nova habitação!

Existem vários passos e etapas importantes a seguir para que tudo fique legitimado e, efetivamente, de acordo com as leis, com estas burocracias a serem um ponto chave para que não tenha que se preocupar com moradas erradas ou documentos desatualizados.

Conheça todos eles:

Passo 1) Comunique à Autoridade Tributária a mudança da sua morada fiscal

O primeiro passo é mesmo informar esta entidade, sendo que tem um prazo máximo de apenas 60 dias. Caso não o faça, pode pagar uma coima que vai dos 75 aos 375 euros.

Efetue esta mudança online, gratuitamente, através do Portal das Finanças ou do ePortugal.

Passo 2) Informe o seu banco (ou até mesmo bancos)

Algo também de tamanha importância (poderia mesmo ser o primeiro passo), é notificar o seu Banco – ou bancos, caso seja mais do que um – da alteração de morada. Dirija-se ao seu banco, com o comprovativo oficial de morada fiscal, e resolva logo este assunto!

Passo 3) Peça a “reexpedição” da correspondência postal

Quanto ao correio, e para que este seja enviado para a sua nova morada, deve fazer um pedido de reexpedição num balcão dos CTT. Basta preencher um formulário, disponível no site dos CTT, e entregá-lo com três dias úteis de antecedência relativamente à mudança.

Passo 4) Registe a nova morada no Documento Único Automóvel

Terá que, antes de tudo, alterar a morada no Cartão de Cidadão. Depois disso, tem um prazo de 60 dias para registar a alteração de morada, o que poderá fazer online, através do portal Automóvel online, se tiver um leitor de Cartão de Cidadão e dos seus códigos.

Passo 5) Atualize a morada de todos os seus Seguros

Independentemente dos seguros que tenha (sejam eles de vida, de saúde, automóvel ou outro qualquer), deve contactar as seguradoras, de forma a saber quais os procedimentos  necessários para a atualização da morada, pois eles diferem muitas das vezes!

Passo 6) Transfira o seu pacote de telecomunicações

Esta é uma dica importante: como os serviços de telecomunicações estão associados a uma morada, e não a um titular, deve contactar a sua operadora para comunicar a alteração de residência e proceder à transferência do serviço, poucos dias após a sua mudança.

Passo 7) Caso tenha, altere o seu Dístico de Residente

Este passo também depende da alteração da morada no Cartão de Cidadão, assim como o Documento Único Automóvel, até porque a morada de ambos tem que coincidir. Se tiver um Dístico de Residente, terá de proceder também à alteração da morada no mesmo!

Passo 8) Se necessário, mude de Centro de Saúde

Este passo é meramente opcional, claro, mas importante caso mude de casa para outra região. Caso opte (ou precise de) por mudar, basta ir ao Centro de Saúde, e levar o seu Cartão de Cidadão (que tem o número de utente) e um comprovativo da nova morada!

*Informações retiradas deste site.

E você, já mudou de casa e precisou de seguir estes passos? Ou vai ter ainda que o fazer? Conte-nos também a sua experiência!

Junte-se à discussão

Compare listings

Comparar
Contacte-nos pelo WhatsApp
1

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER!